Logo Unioeste

WhatsApp Image 2018 02 09 at 14.33.51

Nessa sexta feira (09), durante a manhã, o deputado José Carlos Schiavinato (PP) esteve presente no Hospital Universitário do Oeste do Paraná-HUOP para a divulgação do credenciamento do Centro de Atenção e Pesquisa em Anomalias Crânio Faciais (Ceapac) para realizar procedimentos de Alta Complexidade em Lesões Labiopalatais.

O deputado Schiavinato intermediou com o Ministério da Saúde e ajudou a viabilizar a habilitação para que o Ceapac realize procedimentos de alta complexidade. Agora habilitado, o Centro conta com o financiamento federal.

Durante o evento, o deputado reforçou a importância do credenciamento do Ceapac para o atendimento à população paranaense: “É importante o reconhecimento dessa habilitação do Governo Federal, através do Ministro Ricardo Barros, dando condição para que o Ceapac possa funcionar com um recurso maior, dando oportunidade para que novos cidadãos do Estado do Paraná tenham atendimento aqui e que a gente não tenha que a necessidade de se dirigir a outros estados”.

Schiavinato também elogiou a ação conjunta entre HUOP e órgãos do Governo Estadual e Federal para a conquista do credenciamento do Centro. “É uma sinergia de várias pessoas ajudando e várias pessoas colaborando para que a Saúde Pública do Paraná tenha melhorias e que se leve esse benefício até a nossa comunidade”, enfatizou.

O reitor da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Paulo Sérgio Wolff, ressaltou o significativo crescimento do Ceapac nos últimos anos e a importância do trabalho coletivo para que o projeto continue a prosperar. “Nós agora tivemos o credenciamento de cinco atendimentos mensais e vamos fazer vinte, quinze serão por conta da Universidade, mas devagar vamos avançando. Eu acho que, no futuro, nosso Hospital Universitário vai ser uma referência em mais uma especialidade de atendimento” finalizou o reitor.

CEAPAC

O Ceapac surgiu inicialmente de um projeto de extensão de professores do curso de Odontologia da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste, Campus de Cascavel. O projeto iniciou em 2003 e ao longo do tempo foi incorporando professores de diversos cursos da área da saúde. Hoje, é parte integrante do Hospital Universitário (referência em alta complexidade para 119 municípios paranaenses) cujo atendimento ocorre no prédio financiado com recursos do Ministério da Saúde e Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado do Paraná, tem finalidade específica (anomalias craniofaciais congênitas) e aprovações em todas as esferas do Controle Social.

O atendimento no Ceapac conta com uma equipe multidisciplinar que trabalha na área ambulatorial das especialidades de Odontologia (Odontopediatria, Ortodontia, Clínica Geral, Cirurgia Bucomaxilo Facial, endodontia), Fonoaudiologia, Medicina (Pediatria, Cirurgia Plástica e Otorrinolaringologia), Nutrição, Psicologia, Fisioterapia, Serviço Social, Enfermagem.



Desde que os trabalhos no Centro foram iniciados, em fevereiro de 2013, mais de 13.000 (treze mil) procedimentos ambulatoriais já foram realizados, uma média mensal de aproximadamente 230 procedimentos nas diferentes especialidades, com predomínio da área de odontologia, clinica otorrinolaringológica e cirurgia plástica.

A consolidação do Ceapac se destaca com a habilitação do serviço junto ao Sistema Único de Saúde – SUS na alta complexidade em Fendas Palatinas, por meio da Portaria 150/2018. Neste momento será necessário cumprir exigências de realização mínima de procedimentos cirúrgicos mensais em pacientes portadores de Anomalias Crânio faciais (Fenda Palatina), conforme Sistema de Apoio a Implementação de Políticas de Saúde – SAIPS, de maio de 2015.

2 min4 min5 minWhatsApp Image 2018 02 09 at 11.10.33 editedWebp.net resizeimage