Logo Unioeste
  • Avaliação Institucional

1Entre os dias 04 e 07 de outubro de 2017, a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), por intermédio de seu International Office, recebeu na cidade de Foz do Iguaçu, 100 Reitores, Vice-Reitores, Pró-Reitores, Assessores de Relações Internacionais e outros representantes de 44 instituições da Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Brasil.

O objetivo da Western Parana International Week (WPIW), além de estreitar laços com nossos pares, foi debater os avanços e boas práticas nas políticas e estratégias de internacionalização universitária nas diferentes arenas. A programação da WPIW, que foi caracterizada pela qualidade do debate e envolvimento dos participantes, incluiu o Fórum de 2017 da Regional Sul da Associação Brasileira de Educação Internacional (FAUBAI); o VI Seminário de Internacionalização das Instituições de Ensino Superior do Estado do Paraná (SIIES); a II Plenária de Reitores de 2017 da Rede Universitária da Zona de Integração do Centro-Oeste da América do Sul (ZICOSUR); o I Encontro do Grupo de Assessores Internacionais da Rede ZICOSUR Universitária; e o I Encontro Técnico entre as Diretorias Executivas da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (ABRUEM) e Consejo Interuniversitário Nacional (CIN) da Argentina. Durante o evento, foi lançado, também, o Heraldo Oeste Paranaense, projeto de extensão e informativo oficial do International Office em língua espanhola para divulgação da área internacional da Unioeste.

2

Para o Assessor-Adjunto de Relações Internacionais e Interinstitucionais da Unioeste e coordenador da WPIW, o Prof. Rafael Mattiello, “ter o privilégio de sediar importantes eventos de internacionalização universitária em âmbito estadual, nacional e internacional, como conseguimos programar dentro da Western Parana International Week, amplifica a relevância e prestígio da Unioeste perante seus pares, consolidando, de um lado, sua postulação como uma instituição referência no âmbito da América Latina, e de outro, maximizando os nossos interesses organizacionais por intermédio da articulação e estímulo à cooperação interinstitucional e internacional com respeito e reciprocidade”.

Fórum de 2017 da Regional Sul da Associação Brasileira de Educação Internacional – FAUBAI

A programação da WPIW, teve, em seu primeiro dia, o Fórum de 2017 da Regional Sul da FAUBAI. O evento destinado aos Escritórios Internacionais das Instituições de Ensino Superior da região Sul do Brasil, debateu os desafios e perspectivas para a implantação de estratégias de planejamento e execução de boas práticas relacionadas à internacionalização universitária em sua forma mais abrangente. A apresentação inaugural ficou a cargo do ex-presidente da FAUBAI e ex-Assessor de Relações Internacionais da Universidade de Campinas (Unicamp), o Prof. Leandro R. Tessler, com a palestra “Internacionalização – desafios e perspectivas: Unicamp”. Em sequência, o Diretor Científico da Fundação Araucária, o Prof. Nilceu Jacob Deitos expôs a “Fundação Araucária como Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Paraná”. Ainda durante o período da manhã, o Prof. Décio Sperandio, ex-Reitor da Universidade Estadual de Maringá (UEM) e atual Diretor-Geral da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná (SETI) debateu as “Estratégias de internacionalização do Sistema Estadual de Ensino Superior”. Durante a tarde, a Prof. Flávia Pires Rodrigues, representante da Universidade Paulista (UNIP), da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da University of Birmingham apresentou “Ferramentas de coaching e planejamento para o desenvolvimento de estratégias de Internacionalização Institucional”.  Por fim, o primeiro dia de discussões é concluído com uma mesa redonda entre os Escritórios Internacionais de “boas práticas na internacionalização universitária”.

3

 

4

VI Seminário de Internacionalização das Instituições de Ensino Superior do Estado do Paraná – SIIES

No segundo dia da WPIW, 05 de outubro, realizou-se o VI SIIES, evento interinstitucional anual iniciado em 2011 pelos Escritórios Internacionais das Reitorias das Universidades Estaduais paranaenses. O Secretário Especial para Assuntos Estratégicos do Governo do Paraná (SEAE) e também ex-Prefeito de Cascavel e ex-Deputado Estadual, Sr. Edgar Bueno, realizou a abertura do segundo dia e em sua fala, fez uma analogia da história do Prêmio Nobel com o cenário brasileiro, em especial relacionado ao ensino superior e a pesquisa científica. Em suas palavras: “Temos de intensificar a realização de projetos de pesquisa e produção científica em parceria internacional, estimular o intercâmbio discente e docente, que possibilitem diplomas bilaterais e criar cursos em inglês, idioma universal no mundo acadêmico”. Na sequência o Sr. Germán Moyano, diretor de cooperação internacional da Universidad Nacional de Cuyo – Argentina, apresentou informações estatísticas e educação internacional de seu país, na sequência convidou os participantes da WPIW para a Feria Internacional de Educación Superior Argentina (FIESA 2018), em Mendoza. Finalizando as atividades do SIIES, 9 representantes dos Escritórios Internacionais das Universidades do Estado do Paraná expressaram em 15 minutos suas estratégias, indicadores e ações de internacionalização, na oportunidade participaram: Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Universidade de Integração da América Latina (Unila), Universidade de Ponta Grossa (UEPG), Universidade Estadual de Londrina (UEL), Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná (Unicentro), Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP), Universidade Estadual do Paraná (Unespar), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste).

5

 

6

Encontro Técnico ABRUEM-CIN

Ainda no segundo dia do evento, membros da ABRUEM e do CIN se reuniram para firmar um termo de cooperação entre as duas entidades, visando expandir formas de cooperação ampla entre as partes, em especial no que concerne mobilidade discente, docente e de funcionários; pesquisas e eventos científicos conjuntos; além da promoção de ações extensionistas integradas. Para o presidente da ABRUEM e Reitor da Unicentro, Prof. Aldo Nelson Bona “é de fundamental importância essa reunião porque promove uma aproximação entre as universidades públicas da Argentina com as nossas universidades estaduais e municipais, igualmente públicas no Brasil. Vem na perspectiva daquilo que temos defendido no âmbito da ABRUEM de uma cooperação horizontal sul-sul, no sentido de que nós possamos ter uma interação maior com as entidades latino-americanas. E esta oportunidade de reunir as duas associações, sem dúvida nenhuma, é um primeiro passo para ajustar caminhos de parcerias duradouras entre nossas instituições”.


7
 

Encontro do Grupo de Assessores Internacionais da Rede ZICOSUR Universitária

Simultaneamente ao Encontro Técnico Abruem-CIN, aconteceu, pela primeira vez na história, o Encontro do Grupo de Assessores Internacionais da Rede ZICOSUR Universitária, que além de abordar a pauta para a II Plenária de Reitores de 2017 da Rede ZICOSUR Universitária que se realizou no dia seguinte, abriu espaço para articular um novo modelo de mobilidade, que deverá facilitar a integração entre as Instituições de Ensino Superior que compõe a associação. Para a Presidente da Rede e Reitora da UEL, Prof. Berenice Quinzani Jordão “a proposta deverá incrementar os programas porque possibilita que Universidades que têm afinidade em determinadas áreas do conhecimento possam manter programas de mobilidade. O sistema de mobilidade ficou mais adequado porque flexibiliza os programas para as Instituições de Ensino participantes, e ao mesmo tempo, harmoniza a oferta de vagas”.

8

II Plenária de Reitores de 2017 da Rede Universitária da Zona de Integração do Centro-Oeste da América do Sul – ZICOSUR

No dia 06 de outubro, a Unioeste foi anfitriã da II Plenária de Reitores de 2017 da Rede ZICOSUR Universitária. Nesta plenária, os representantes das Instituições Públicas de Ensino Superior da Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Brasil discutiram formas de fomentar a internacionalização nesta macrorregião do centro oeste Latino Americano. Entre os assuntos discutidos se destacaram alternativas para expandir a integração acadêmica, tanto no ensino como na pesquisa e em projetos culturais, além do incremento dos programas de mobilidade estudantil, de docentes e agentes administrativos dentro da rede. Foi aprovado pelos reitores um novo formato para a mobilidade dos estudantes de graduação, potencializando a troca de experiências nas diferentes áreas do conhecimento. A nova sistemática proposta pelo Grupo de Assessores Internacionais da rede, flexibiliza os programas e ampliam as possibilidades de realização de projetos de ensino e de pesquisa comuns. Também foi aprovado em plenária, um modelo único de Acordo Marco para as 34 instituições que integram a Rede, sua participação e o posicionamento da ZICOSUR Universitária na Conferência Regional de Educação Superior (CRES 2018), promovida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), que será realizada em Córdoba, na Argentina e sua vinculação com outras redes, organismos de pesquisa e projetos que promovam a expansão e o desenvolvimento no processo de internacionalização e difusão do conhecimento, como o Enlaces/Riesal, Caminos, Organização de Estados Ibero-americanos (OEI) e Asociación Universitaria Iberoamericana de Postgrado (AIUP). Os participantes ainda definiram data e local para a I Plenária de 2018 da Rede ZICOSUR Universitária, que será realizada nos dias 3 e 4 de maio do próximo ano, em Assunção (Paraguai), tendo a Universidad Nacional de Asunción (UNA), como anfitriã, onde será oficializado o acordo macro de cooperação entre as Universidades que integram a entidade. A plenária dos reitores aprovou também a inclusão na Red da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), que tem cerca de 10 mil estudantes divididos em 15 campi. A UEMS tem experiência em acordos internacionais por meio da Rede Universitária da Rota Bioceânica, que congrega 12 Universidades brasileiras, do Chile, Argentina e Paraguai. A entrada na ZICOSUR Universitária busca oferecer outras oportunidades para estudantes e professores da UEMS.

9

10

A equipe do International Office da Unioeste agradece a todos que participaram, e de maneira especial ajudaram a organizar a Western Parana International Week, que contou com o apoio da Primato Cooperativa Agroindustrial, Cervejaria Providência, Companhia de Saneamento do Paraná, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Paraná, Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná , Secretaria de Estado para Assuntos Estratégicos do Paraná, Associação Brasileira de Educação Internacional, Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais, Associação Paranaense das Instituições de Ensino Superior Público, Rede Universitária da Zona de Integração do Centro-Oeste da América do Sul, Feria Internacional de Educación Superior Argentina, Consejo Interuniversitário Nacional, além da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Pró-Reitoria de Extensão, Pró-Reitoria de Administração e Finanças, Gabinete do Reitor e demais setores da Unioeste que acreditaram na proposta e no trabalho do International Office para a realização desta semana de internacionalização universitária.

Os certificados de participação de todos os ouvintes da WPIW serão disponibilizados em https://midas.unioeste.br/sgev/

Todas as apresentações proferidas durante a WPIW estão disponíveis em http://www5.unioeste.br/portal/ari/eventos-ari/wpiw/apresentacao-wpiw

As fotos do evento estão disponíveis em https://www.facebook.com/ariunioeste/.

0
0
0
s2smodern